quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

PSIQUIATRIA ORTOMOLECULAR - NUTRIENTES QUE CURAM DOENÇAS MENTAIS


Linus Pauling, químico e prêmio Nobel de Medicina, define a medicina ortomolecular como o tratamento das doenças pela manutenção de ótimas concentrações das substâncias presentes, normalmente no corpo humano.

Pesquisas em medicina ortomolecular sugerem que o futuro da psiquiatria encontra-se na nutrição. A história mostra que a nutrição é um modo seguro e efetivo, no tratamento e cura dos transtornos mentais.

Médicos relatam que distúrbios mentais, tais como depressão, transtorno bipolar, esquizofrenia, transtornos de défict de atenção/hiperatividade, comportamento anti-social e distúrbios obessessivos- compulsivos, frequentemente têm a mesma causa: nutrientes insuficientes no cérebro. Alguns desses problemas mentais são curados, apenas com a reposição extra de nutrientes ao organismo, especialmente em circunstâncias de elevado estresse.

As vitaminas do complexo B tem sucesso maior de cura, quando tomadas regularmente, em altas doses e em conjunto com vitamina C, ácidos graxos essenciais, magnésio e selênio.

A segurança do uso de vitaminas e sais minerais (oligoelementos) é extraordinária, sendo seu custo menor comparado com drogas farmacológicas, que possuem vários efeitos colaterais.

A cura da depressão leve/moderada pode ser alcançada com a administração de 1.000 mg de vitamina B3 (niacina), 3 vezes ao dia. Algumas vezes, a simples deficiência de vitamina D causa depressão, havendo melhora do quadro clínico, quando se repõe doses de 3.000U.I./dia de vitamina D.

A esquizofrenia e o transtorno bipolar podem ser controlados com doses de 3.000 mg de Niacina associada à mesma quantidade de vitamina C, fracionadas em doses diárias.
O transtorno de défict de atenção/hiperatividade e autismo em crianças tem uma boa resposta, quando se fornece Niacina, vitamina B6, magnésio e zinco.

Há melhora da função mental em idosos, com uso de vitamina B6, vitamina B12, ácido fólico, devido à diminuição dos níveis de homocisteína.

Segundo o renomado Professor de Química Roger Williams cada indivíduo possui necessidades nutricionais diferentes e responde diferentemente aos nutrientes.
A saúde deve ser restaurada nutricionalmente e não farmacologicamente. Todas as células do nosso organismo são compostas pelo que bebemos e comemos. Elas não são feitas por drogas farmacológicas.

FONTE: Orthomolecular Medicine News Service, October 7, 2005.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Postar um comentário